Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

Um peluche com vida na mala da cliente

Um dia destes, estava a atender uma cliente ( das habituais), ela tirou a mala que tinha ao ombro e pousou-a do lado da saída do tapete. Uma mala aparentemente normal estampada com duas alças. Fico a olhar para a mala porque me pareceu haver lá um peluche. De repente vejo o peluche mexer as orelhas e reparo que é um cãozito, daqueles muito pequeninos. E penso "ah é verdadeiro!" A carinha laroca daquele animal deixou-me rendida! Tão fofinho e que ar tão meigo e simpático! Eu disse à cliente que ele era lindo e ela respondeu: " este pelo menos posso o trazer á vontade que não faz birras!" Possivelmente estava a compará-lo com alguma criança. Fiquei com tanta vontade de ter um bichinho daqueles. Ao que parece é uma raça mesmo assim são muito, muito pequeninos.

Á entrada do supermercado está aquele sinal de proibida a entrada a animais, mas se calhar por ele ser tão pequenino, deve de haver uma excepção!

sem_t_tulo-2_c_pia_2_2[1].jpg

 

O cão, o jipe, a mulher estrangeira e a matrícula...

 

Estava a registar as compras a uma senhora estrangeira com sotaque carregado, talvez alemã, quando pelo som é chamado ao local o proprietário de tal veículo. Nós íamos falando, no registo, nos produtos, até nos preços, quando a senhora me diz que não sabe a matrícula do seu carro. Mais uma vez chamam a pessoa ao som. A senhora começa a pensar se será o seu carro. Nesta altura eu pego no telefone e pergunto as características do carro, porque estava ali uma senhora a questionar se seria o dela. A minha colega diz "é um jipe com um cão preto grande a ladrar!" desligo o telefone e reporto á cliente a conversa, ao que a cliente responde " é meu!" Volto a pegar no telefone e a minha colega diz-me que a senhora tem de ir lá urgentemente. Lá vai a cliente a correr e fico a registar e a embalar as compras. Sabem o que era? A senhora estacionou de forma a que o outro senhor que tinha o carro ao lado não conseguia entrar no veículo. Porquê? Porque de um lado não havia espaço,  do outro e á janela estava o cão preto feroz a ladrar e não deixava ninguém se aproximar...
 

 

Já não é a primeira vez que acontece casos semelhantes por causas dos cães ficarem fechados nos carros, este tinha a janela semi-aberta. Mas quem leva animais no carro e vai demorar  nas compras, tem de ter atenção, pode não ser muito seguro, quer para o próprio animal quer para as pessoas.
 

Cupões: Queria apenas dizer,  em relação aos cupões de desconto que os clientes certamente estão a receber em casa pelo correio, que não são iguais para todos. Há quem receba vales de 5€, e há também quem receba vales percentuais de determinado produtos. Quando deixei uma "nota" no outro post não tinha conhecimento deste facto...