Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

Sabe bem, poder ajudar

Hoje é o ultimo dia para descontar o saldo acumulados nos 15% da semana passada!

Muitos clientes guardaram para este dia, e , talvez por essa razão, havia muitos clientes no supermercado!

Uma senhora que vinte alguns euros pede para descontar. Ela tinha um código que precisava marcar para efetuar o desconto, mas não sabia que tinha um código, e, muito menos sabia, o dito código. Perguntei se não havia alguém que soubesse. Responde que apenas ela usa aquele cartão e que nunca pôs qualquer código. Digo-lhe "mas então já que tem 4 tentativas, experimente algum código que tenha no multibanco, porque as pessoas por vezes, metem igual para não se esquecerem! Experimentou três códigos e nenhum era o tal. Perguntei se não podia ligar a alguém que soubesse. Volta a dizer-me que só ela usa o cartão, e que veio de propósito para descontar o saldo.

Pergunta se posso por a conta em suspenso para pensar! Assim fiz, atendi o cliente seguinte, e a senhora continuava lá pensativa!

Daí a pouco diz-me "só se foi o meu marido!" foi quando pensei que afinal havia alguém. Digo-lhe para que lhe telefonar e ela diz-me: "mas olhe vou seguir a sua sugestão e vou experimentar o código do multibanco dele e depois se não der, então telefono"!

Lá voltamos à conta, lá colocou o código do multibanco do marido no cartão continente e ...deu certo!

No final, a senhora agradeceu-me e disse-me que foi graças à minha ideia  que conseguiu lá chegar e não perder a viagem! Claro que eu só estava a fazer o meu trabalho, mas sabe sempre bem, este agradecimento/reconhecimento!

poderajudaralguem.jpg

A missão continente ajuda a Ucrânia

FB_IMG_1646428472977.jpg

Para fazer face a esta situação pela qual os ucranianos estão a passar, a Missão Continente (em conjunto com a  Cruz Vermelha), tem esta campanha de vales com o nome "Missão de apoio à Ucrânia". Podem contribuir com os vales que vão de €1a €5.

A missão decorre  de 4 a 27 de março,  nas diferentes lojas (Continente, Continente Modelo, Continente Bom Dia, Continente online, Meu Super, Go Natural, Bagga, Wells, Dr. Well's, note, ZU, Home Story e MO) por todo o país.

SquarePic_20220309_12225135.jpg

No supermercado, os vales estão junto ás caixas e também nas várias seções. Há por toda a loja  cartazes e informações. Alguma dúvida, as operadoras de caixa, ou qualquer funcionário,  também podem informar.

SquarePic_20220309_12222850.jpg

O valor angariado, segundo nos foi informado, é para que a ajuda chegue aos que mais precisam nas zonas que fazem fronteira com a Ucrânia e também para quando os refugiados chegarem ao nosso país.

missaoucrania01.jpg

missaoucrania02.jpg

Por isso, nós operadoras de caixa, temos o papel de pedir a contribuição dos  clientes, nem que seja apenas €1, porque muitos euros juntos, farão a diferença. O povo português é conhecido por ser um povo solidário.

Obrigada!

Bem hajam!

Missão continente e Animalife

safe_image.jpg

Felizmente a recolha física de alimentos e outros bens para os animais, desta vez, já foi assegurada pelos voluntários,e, claro está, notou-se logo a diferença!

243645779_4811724295522716_3161688830901040860_n.p

Entretanto, os vales solidários são outra das formas de ajudar, estando disponíveis em loja e no Continente Online de 4 a 17 de outubro. No meu ponto de vista, e sendo eu uma pessoa ligada as estas causas, e sendo também operadora de caixa, os produtos que estão nos vales, são considerados caros pelos clientes, e tem havido muita recusa.

Há uma imensidão de produtos bem mais acessíveis. Deixo alguns exemplos:

gatos.jpg

De qualquer forma, vamos continuar a tentar "vender"!

Outra sugestão que gostaria de deixar, era que colocassem no supermercado uma boxe/carrinho, onde cada cliente pudesse deixar o donativo que quisesse, para isso deixavam uma lista de produtos mais extensa e não tão especifica quantos os vales!

De novo, o Banco alimentar através de VALES

bancoalimentar2021junho.jpg

Está de volta esta forma de ajuda. Na impossibilidade de se poder contar com os voluntários à porta dos supermercados, devido a situação de pandemia em que ainda nos encontramos,  a ajuda continua a ser feita através de vales disponíveis nas caixas dos supermercados.

Contribuam. Se cada um contribuir nem que seja com um artigo, já será uma boa ajuda para alguém. Porque, mais do que nunca é importante e urgente ajudar.

No entanto é opcional, eu prefiro ouvir um NÃO, do que ouvir teorias da conspiração. Frases que nos desanimam, quando o nosso foco é angariar alimentos para quem mais deles precisa! Nós apenas tentamos ajudar!

Missão continente e animalife juntos no banco solidário animal

Devido à pandemia que estamos a atravessar, as associações de proteção animal, viram canceladas a habituais formas de angariação de alimentos à porta dos supermercados,  para os patudos que vivem à guarda de associações, como também animais errantes (colónias )  e até  a animais pertencentes a famílias em situação de carência económica.

Em alternativa, existe no continente esta possibilidade de se angariar os alimentos através de vales de banco solidário animal, para que assim se possa contribuir para que não haja abandono, e sobrepopulação de gatos e cães quer nas ruas quer nos abrigos.

Assim a Missão Continente e a Animalife  em parceria, juntam-se à causa com a máxima: “Não deixe para amanhã a ajuda que pode dar hoje”!

image%3A23401

A campanha disponibiliza quatro vales solidários, do género da imagem a baixo, com valores a partir de 0,69€, repartidos entre alimentação seca e húmida para cão e gato. A iniciativa decorre até dia 22.

FB_IMG_1615649384390.jpg

Desde já obrigada pela colaboração, compreensão e partilha!

O continente tem vales do Banco Alimentar

17053501_8eTLq[1].jpg

Em tempos de pandemia, desta vez o banco alimentar não conta com os voluntários á porta dos supermercados. Existem nas caixas, uns vales, com artigos de bens essenciais para que os clientes possam ajudar. Somos nós que perguntamos aos clientes se querem contribuir.

A adesão, no meu ponto de vista, não tem sido muita, mas há sempre quem queira ajudar.

Por vezes, os clientes dão respostas tortas, o que era desnecessário, bastava apenas responder sim ou não! Ninguém é obrigado, apenas é sugerido.

Por isso deixo aqui a informação e o apelo. Há a produtos de apenas 0,48€.

Obrigada a todos os que entendem, contribuem e não dão respostas tortas!

Bem hajam!

SquarePic_20201126_08580214.jpg

 

O "poder" das palavras

O atendimento a pessoas com mais idade, pode nem sempre ser fácil. São pessoas que precisam de mais tempo, e muitos dos que estão na fila, não entendem isso, não estão dispostos a esperar.

 

Ajudei uma senhora que estava sozinha, no embalamento das compras, tentei despachar o mais depressa possível. Mas, a parte de tirar a carteira da mala, procurar os cupões, e tudo isso, não pude, obviamente, intervir. A senhora remexia, remexia e não encontrava a carteira. As pessoas da fila, já mostravam impaciência, e isso ainda atrapalhava mais a senhora.

 

Finalmente a senhora lá encontrou a carteira e os cupões. No final, antes de se ir embora, disse-me "obrigada pela ajuda e pela paciência"! Palavras, que naquele momento e naquele dia, souberam tão bem!

 

Por vezes, e para determinadas pessoas, tenho pena de não ter tempo para dar mais atenção, mas tenho de ser rápida a executar as tarefas, porque quem espera, desespera!

 

animacao.jpg