Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

As votações para os Blogs do ano estão a terminar

Pois é, as votações estão quase, quase a acabar. Foi muito bom estar nomeada para os blogs do ano, é como se fossem os globos de ouro ou os emmys! Por isso, venho mais uma vez, pedir-vos que votem neste blogue.

 

Aproveito também para agradecer a todos os que têm votado, apoiado e divulgado, obrigada, obrigada! É só mais um bocadinho...

 

https://blogsdoano.iol.pt/votacao

 

blogsdoano3edicao.jpg

A aplicação do continente no telemóvel

Quando vocês,  clientes,  tiverem de usar a aplicação do continente que têm no vosso  telemóvel,  que é pratica e vantajosa, aconselho-vos a accionar a aplicação ainda na fila.

 

Isto porque, muitas vezes, é quando a operadora pergunta pelo cartão e pelos  cupões que o fazem, e como, a tendência do sistema, é demorar sempre um bocadinho, e isso, torna-se constrangedor porque os outros clientes da fila, ficam a olhar, impacientes, e alguns até podem achar que a pessoa está  a navegar ou a mandar mensagens... Com a aplicação já ativada, é só dizer à operadora que querem usar a aplicação e dizerem o número, a aplicação tem a duração de 20 minutos.

aplicacaocontinente.JPG

É apenas uma sugestão, pois cada um é que sabe como lhe dá mais jeito fazer as coisas. E se  estão na vossa vez, têm o direito de demorar o tempo que for preciso.

 

Muitas vezes há clientes que têm a aplicação instalada, mas tem dificuldade em a saber usar, e nós ajudamos.

 

De qualquer forma deixo as instruções que acho que vos pode ajudar:

 

Depois de carregarem  no atalho da aplicação, vão  ter à fase em que aparece o vosso saldo, e os cupões,  em baixo devem  carregar na opção "usar na loja", depois em "ver cupões", de seguida,  selecionam os cupões que precisam, e finalmente carregam em "autorizar" para gerar um número que é o vosso nº telemóvel. Têm mesmo de fazer todo esse processo, não basta dizer o número.

Um carrinho de compras sem dono, não marca vez

Estávamos num dia tranquilo em relação ao movimento. Estava um carrinho cheio encostado à minha caixa, mas não tinha dono. Chegou alguém com dois ou três artigos perguntou se podia passar, eu respondi "claro que sim", atendi e a pessoa foi embora. Chegou outra senhora, esta com um carrinho meio de compras, perguntou se podia colocar as compras, uma vez que estava lá um carrinho, eu respondi que o carrinho não marcava vez.

 

A senhora  começou a colocar as compras, já tinha o tapete quase cheio de artigos, quando chega a dona do carrinho abandonado, e diz : "Então, eu estava primeiro"! É aí que eu digo: "Fui eu que chamei a senhora, o carrinho não marca vez, e eu não podia estar parada:!" Ao que ela respondeu: "Não podia esperar? Foram só dois minutos!"

 

As pessoas não têm mesmo noção. Para já, não foram só dois minutos, e mesmo que fossem, imaginem a operadora de caixa parada, porque estava ali um carrinho encostado, e os clientes na fila também parados, sem sequer puderem colocar as suas compras no tapete, porque mesmo vazio, estava a guardar o espaço para alguém, que não devia de estar, supostamente,  muito longe!

 

Não dá, temos de circular, não se pode perder tempo, principalmente porque a maioria dos clientes vão ao supermercado com pressa!

 

abandonadocarrinho.jpg

Vão aos Blogs do Ano e votem!

Olá a todos! Eu não queria me tornar repetitiva, mas venho novamente pedir os vossos votos. Como sabem a concorrência é muito forte, sei por isso que não irei ganhar, não é ser derrotista, mas sim ter a consciência dos factos.  No entanto, estar nomeada é muito bom, é um reconhecimento muito importante para mim. Mas sabia bem ter alguns votos. Se todos os leitores, visitantes, colegas de trabalho, amigos, familiares, votassem, já era bom.

 

Vão até até lá, please,obrigada. Bem hajam!

 

https://blogsdoano.iol.pt/votacao

voaqui.jpg

 

Ela vai ao supermercado e leva tudo, menos o que ia comprar

A mulher estaciona no parque do continente porque precisa de ir comprar pão para o almoço. Por isso, e como é só uma coisa, não precisa de levar cesto e muito menos carrinho. Quando entra, repara logo num produto que está com um desconto de 50 % imediato, pensa ”olha que fixe, vou já levar dois”! Leva os dois produtos nos braços e segue pelos corredores.

 

Mais à frente repara em algo que está em falta na sua dispensa, e decide, também levar. Começa a tirar artigos e mais artigos e às tantas deixa cair coisas no chão e percebe que o melhor é ir buscar um daqueles cestinhos com rodas.

 

Prossegue viagem, e começa a encher cada vez mais o cestinho. Até que pensa que não trouxe sacos e que o melhor é mesmo ir buscar um carrinho. No fim de tudo, vai para a caixa e começa a colocar os artigos, é aí que se lembra que leva tudo, menos o pão, que era o que ia buscar…

 

É uma situação muito comum que acontece no supermercado, quem é que já não passou por algo semelhante!? Pois fique a saber, que não está sozinha(o), pois durante o meu dia de trabalho, esta situação repete-se inúmeras vezes!

 

situimagem.jpg

 

Não é falta de ambição, é gosto pela profissão!

Um cliente perguntou-me há quantos anos eu trabalhava ali. Respondi, 14 anos .

 

O senhor começa a dizer-me que tenho falta de ambição. Eu respondi: ”trabalho no que gosto”, e ele repete em tom altivo: FALTA DE AMBIÇÃO!

 

É o que muitas pessoas acham. Mas a verdade é que eu gosto daquilo que faço! É assim tão estranho? Quantas pessoas têm um trabalho que não gostam!? Eu sou uma privilegiada, porque gosto do trabalho que tenho. Não acordo a pensar que vou fazer um frete! Não vou contrariada! Podem não acreditar, e até posso mudar daqui a uns tempos, mas agora, e  desde antes até cá, faço o que gosto. Este trabalho, é tranquilo, terapêutico, até. E depois eu não sou operadora de caixa a tempo inteiro, eu também sou blogger, mãe (onde até sou um pouco professora), esposa, dona de casa, dona de dois gatos. Claro que nem todos os dias as coisas correm cem por cento bem, claro que por vezes, o horário de trabalho não se encaixa bem na minha vertente de mãe e ando em correrias, mas tudo se tem resolvido.

 

Nem todos ambicionam mais poder, mais responsabilidades, mais trabalho, mais pressão, existem, com certeza, mais pessoas como eu. Não tenho falta de ambição, e em tudo aquilo que faço, tento fazer o melhor, e costumo vingar, e cumprir os meus objectivos.

 

As pessoas não são todas iguais, se só existem chefes, gerentes, lideres, quem faria o resto do trabalho!?

 

nemtodos.jpg

Aceitar normas

Estava a registar as compras a um casal de clientes. A dada altura, havia quatro caixas, cada uma com uma garrafa,  de um vinho de nome mula velha reserva.

 

Abro uma caixa, retiro a garrafa,  registo a garrafa, volto a colocar dentro da caixa,vou para a segunda caixa, e a cliente diz "são todas iguais, porque não multiplica"!? Ao que eu respondo, que pela  norma da empresa, tenho de abrir as caixas e registar o código interior da garrafa e verificar se a garrafa não tem alarme para tirar. E a senhora diz-me ."pois, mas quando é leite, por exemplo, isso não acontece, multiplicam!" E o cliente que estava a seguir, afirma: " está mal, porque um vinho de reserva, quando menos se mexer, melhor!"

 

Mas será que as pessoas não entendem!? Já me aconteceu, ao abrir a caixa, haver "brindes" lá dentro, ou o código da  garrafa interior, não corresponder ao código exterior da caixa. Sim, há pessoas capazes disso. Será que as pessoas não percebem que estamos a fazer o nosso trabalho e não a desconfiar!?

mulaVelhareserva.jpg

Resumo da festa das nomeações, sob a minha objetiva

O vídeo está um pouco tremido, como estava na horizontal e tive de por na vertical, o que faz com que as pessoas pareceram gordas, eu principalmente :)

 

Mas  julgo que dá para ter uma ideia da festa linda, que tive oportunidade de assistir. Se eu não estivesse tão nervosa, podia ter desfrutado mais da festa. Mas sei que foi uma oportunidade única e fantástica! Só tenho a agradecer...

videosim.jpg

 

 

Pág. 1/2