Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

Caixa exclusiva e caixa prioritária

Inicialmente nós tínhamos uma caixa prioritária. Esta caixa era prioritária a grávidas e a pessoas com deficiência. Esta prioridade só era dada por gentileza e não por obrigação, isto quer dizer que a operadora  que estava nesta caixa, tinha de pedir aos outros clientes se podiam deixar passar aquela senhora que estava grávida e a cliente grávida tinha  de se sujeitar a ouvir um não! Depois esta caixa, deixou de ser prioritária e passou a ser exclusiva: tinha um telefone, para o cliente chamar alguém para o vir atender. Além  de ser  exclusiva a grávidas e a pessoas com deficiência, também ficou exclusiva a pessoas com crianças de colo. Foi uma fase muito boa e prática.

 

Agora e desde que passamos a Continente, a caixa deixou de ser exclusiva e passou novamente a ser prioritária. Já lá fiquei, e de vez em quando lá acontece uma chatice. É que algumas grávidas pensam que não temos de pedir ás outras pessoas se as deixam passar, acham que têm o direito, mas o que nos ensinam (e está escrito numa regra lá na nossa zona de funcionários) é que os clientes que estão na fila têm de autorizar.

 

Sinceramente acho que devia de ser um direito e pronto, agora ter de andar a suplicar... não é bom nem para as pessoas a quem se destina esta caixa nem para nós. Imaginem que o cliente diz NÃO? Há cada regra que não dá para entender!

 

3 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Sonia 16.04.2011 19:38

    Boa tarde. para mim devia ser exclusiva em todos os super e hipermercados só mesmo para evitar chatices de clientes que se metem na caixa e depois nao querem deixar passar uma gravida por exemplo (sao obrigados mesmo, pelo menos é o que me ensinam no Jumbo) como para evitar que ajam clientes com prioridades que se armem em parvos. É que a maior parte das pessoas só pensa em safar-se da fila mas gravidez não é doença e nao é justificaçao para certos comportamentos.
  • Imagem de perfil

    A-lupa-de-alguem 18.04.2011 15:06

    Eu até preferia que aqui fosse como no Jumbo . Porque aqui as pessoas só não dizem "não" para não ficarem mal vistas, porque vontade não lhes falta!
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.