Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

Há atitudes que não abonam muito a favor de quem as pratica!

Estava a concluir um atendimentos a um casal com uma criança, quando chega à nossa beira um dos seguranças e pergunta ao casal por um  carrinho. Então, o pai da criança responde que o deixou na loja. O segurança perguntou  porque o tinha tirado da embalagem e deixado a embalagem numa prateleira. Depois ficaram todos ali a falar. O que se passou foi que o casal tirou o carrinho da embalagem para entreter a criança, mas depois desistiram de levar o brinquedo, porque a criança se desinteressou por ele.

 

O pai da criança exaltou-se porque o segurança lhe perguntou em que lugar tinha deixado o brinquedo para que o funcionário o voltasse a colocar na embalagem.

 

O segurança ficou sem poder fazer mais nada, pois não tinha qualquer prova em como o casal não tinha deixado o brinquedo dentro do supermercado.

 

Eu fiquei a pensar cá com os meus botões: " então se o cliente deixou mesmo o brinquedo lá num corredor, não se ia lembrar em que sitio? Pelo menos mais-ou-menos? E se estava de consciência tranquila porquê falar tão alto e ficar tão exaltado?"

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.