Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

Ao telemóvel

 

Nesta era moderna, as pessoas vivem "agarradas"  ao telemóvel . Este facto também se nota na linha de caixas de um supermercado. Quando o cliente está ao telemóve , nós as operadoras de caixa somos para ele  muitas vezes invisiveis ... Eu tento agir como se o telemóvel não existisse e faço os cumprimentos e as perguntas do costume, e como o cliente não responde prossigo até à fase do total e do pagamento.

 

Se  há fila os outros clientes começam a demonstrar impaciência . No outro dia o cliente deu-me o multibanco para pagar e marcou o código tudo normal e depois de desligar o telemóvel lembrou-se que tinha um desconto e que não o tinha usado por culpa minha porque eu não esperei... Realmente há cada uma! Felizmente também lembro aqueles clientes que mesmo ao telemóvel nos pedem desculpa pelo facto e mostram um sorriso cordial. Enfim seria pedir muito para adiarem uns breves minutinhos o atendimento da chamada para depois de finalizar as comprinhas?

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.