Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

Quando o telemóvel toca...

 

Estou a atender um cliente. O seu telemóvel toca. Ele olha para o número e diz-me: “olhe… tenho de atender esta chamada, vá pondo nos sacos!” Eu até achei graça. Só que, eu terminei o registo e queria concluir o atendimento e o senhor - a falar em voz alto ao telefone, como se eu fosse invisível! Até que um outro cliente da fila deu-lhe assim uma pancadinha nas costas e fez sinal.

Que situação!

2 comentários

Comentar post