Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

O espaço da operadora de caixa

Já por algumas vezes falei neste assunto, e sei que por vezes me torno repetitiva, mas é algo que aborrece. O facto de a parte do acrílico que separa o cliente da operadora ser muito pequeno e baixo, faz com que o cliente invada o nosso espaço. Desta vez, eu tinha em cima da registadora uma nota de vinte euros, porque estava à espera que a supervisora me trouxesse quatro notas de cinco. Um cliente, pega na nota e com ar de engraçadinho pergunta: "esta é falsa ou quê!?" E eu, por instinto, tiro a nota da mão da pessoa de forma um pouco brusca, ao que o senhor diz: "estava com medo que eu ficasse com a nota ou quê?" Só me apeteceu mandar-lhe um berro! Brincadeiras tolas!

1 comentário

Comentar post