Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

A lupa de alguém

Sou operadora de caixa num supermercado Continente modelo. É esse universo que eu trato neste espaço...

O dinheiro na minha mão, é como manteiga em focinho de cão

Uma cliente chega à minha caixa, a dizer: "Vinha só comprar duas coisas e levo tantas, nem trouxe carrinho"! Mas lá foi arrumando os seus artigos, e no meio de um suspiro, diz-me: "O dinheiro na minha mão, é como manteiga em focinho de cão"! Como já aqui disse, eu praticamente colecciono todas estas expressões e ditos dos clientes e este é mais um para a lista!

 

aqui.jpg

Já conheciam esta!? Alguém concorda ou se identifica!?

O cliente pica-miolos

picamiolos.jpg

Certo dia quando pergunto a um cliente se quer contribuinte na fatura, acontece algo inesperado.  E a cena foi mais-ou-menos assim. Ele diz: "Para quê?" Respondo: " O senhor é que sabe, se quer ou não!?" E ele insiste:" Mas você é que tem de me dizer, quem oferece, tem de saber explicar para que serve, quais as vantagens"! Vai daí eu digo: " Aqui nós apenas colocamos o contribuinte se o cliente quiser, essas questões, cada um sabe de si, talvez um contabilista ou nas finanças lhe saibam responder!"

 

Respondeu com um "hummm",  mas a resposta se queria ou não contribuinte, não deu! Passei à frente. No final de pagar dá-me o número de contribuinte. Como já tinha concluído a conta, encaminhei o para o balcão de informação  para pedir a fatura.

 

Era preciso este folhetim todo, quando afinal, bastava responder; " Quero contribuinte na fatura, está aqui o número"!

Os temas do momento

Nestes últimos dias, os temas de conversas com os clientes, são os tais três:

A visita do Papa, a vitória do Benfica, e a estrondosa e inesperada vitória de Portugal na Eurovisão da Canção. E é esta última que é consideravelmente maior. Pois como dizem, nem todos são devotos, nem todos são benfiquistas, mas todos...somos portugueses! E, a pesar que muitos  terem achado que a música não tinha potencial para ganhar, eu inclusive (e como estava enganada), sentem-se orgulhosos e agradecidos ao Salvador pela vitória!

festival201704.jpg

Em destaque

Ontem este post esteve destaque.

 

destaquelupasapo.jpg

 

E hoje, continuou na página principal. Eu tentei vir da parte da manhã responder aos imensos comentários, e agradecer o destaque, mas não consegui aceder...

 

destaquepagina.jpg

 

Por isso, agradeço agora, pelo destaque, e pelos comentários. É um assunto que precisa mesmo de ser comentado, estudado, avaliado.

Obrigada!

Será que esta lei tirou o discernimento às pessoas!?

Imaginem o cenário:

Tinha o tapete cheio de artigos, chega à minha caixa uma rapariga acompanhada por outra senhora, talvez a mãe, com um carrinho cheio de compras e outro carrinho com um bebé! É um facto que todas as caixas têm serviço prioritário. Esta rapariga começa a fazer sinais para passar, para usufruir da sua prioridade.

 

Eu não podia, simplesmente pedir à cliente que já tinha todos os artigos sobre o tapete para os retirar, e  atender a prioritária. Ia demorar imenso tempo e seria uma falta de civismo. Será que esta lei tirou o discernimento às pessoas!? O bebé até devia de estar a dormir.

 

Ocorreu-me a ideia de pedir delicadamente à pessoa prioritária para aguardar um pouco enquanto eu registava os artigos que já estavam no tapete.

 

Felizmente chegou uma colega, que pediu à cliente prioritária para a seguir e abriu a sua caixa e atendeu-a.

 

A situação salvou-se desta vez. Mas se voltar a acontecer? Informei-me e disseram para fazer justamente o que me tinha ocorrido, ou seja, pedir à pessoa prioritária que aguardasse só um pouco...

filalupa.jpg

O ritual errante da ida ao supermercado (com correção)

É inacreditável, como muitos clientes repetem sempre o mesmo ritual errante:

  • saem do parque de estacionamento e entram no supermercado
  • depois quando chegam à caixa, lembram-se de ir imprimir os cupões
  • e os outros que esperem
  • colocam as compras no tapete
  • vão ao carro buscar os sacos
  • e os outros que esperem

 

Não seria mais correto:

  • saírem do estacionamento com os sacos
  • já que passam pela maquineta imprimirem logo os cupões ou trazerem-nos de casa na carteira
  • colocarem as compras no tapete
  • embalam as compras
  • e assim não empataram ninguém

 

É tudo uma questão de organização ,  de bom senso e até de civismo!

imagem786JPG.jpg

O continente tem sacos novos

Já por diversas vezes os clientes me perguntaram se não tínhamos sacos que não tivessem publicidade ao supermercado, com a palavra continente lá escrito, e a resposta era sempre a mesma: não! Mas agora já temos alguns. Apresento um deles:

stylelicious.JPG

Tem a palavra stylelicious, que não faço ideia do que seja.

styleliciousaco.JPG

Este tem um bom tamanho, pois não é muito grande a ponto de ficar pesado, nem demasiado pequeno a ponto de caber poucas coisas. É de formato vertical. Para nós,  as senhoras, dá para o dobrar-mos e trazer dentro da mala, junto a outras coisas, também indispensáveis, como por exemplo, a carteira e o telemóvel, e não ocupa muito espaço

dobradodentromala.JPG

Carrinhos de compras velhos

Uma cliente chega à minha caixa exausta, porque o carrinho de compras que empurrava, parecia ter vontade própria e não ia para onde a senhora queria, obrigando esta a fazer um esforço enorme para o empurrar. Disse-me  que se enervou tanto com o carrinho, que já nem foi à peixaria...

andapah.jpg

Pelo menos este carrinho, após esta queixa  já saiu de circulação!

 

Era bom que os supermercados de média dimensão também tivessem carrinhos novos, e eu acredito que em breve eles vão chegar!